MISSÕES PARCEIRAS

OBJETIVOS & ESTRATÉGIAS

Planeta Água

A Amazônia brasileira, que revela ao mundo de beleza e diversidade exuberantes, esconde de comunidades remotas, de difícil acesso, cercadas por todo o tipo de necessidade e cobertas por espessas nuvens de carência espiritual.

desafio_parcerias

Desafios e Parcerias

Cerca de 10 mil comunidades ribeirinhas, a maioria de acesso difícil, não possuem presença evangelizadora. Trata-se de um desafio gigantesco a ser enfrentado por meio de parcerias e alianças estratégicas entre igrejas e agências missionárias.

ampliando-a-acao

Ampliando a Ação

As características geográficas típicas da Amazônia impõem restrições naturais às forças para alcançar comunidades mais distantes dos centros estruturados. “Como ampliar a ação?” Esta é uma das questões que justificam a criação da AEPR.

catalisando-potenciais

Catalisando Potenciais

A AEPR tem como objetivo servir como ambiente para comunhão e intercâmbio de experiências e estratégias, bem como oferecer informações para avaliação dos desafios e oportunidades a fim de viabilizar a adoção de planos de ação compartilhados.

AEPR: de onde e para onde

POR QUÊ A AEPR COMEÇOU?

A ‘Aliança Evangélica Pró-Ribeirinhos’ – AEPR – foi criada oficialmente em novembro de 2013, contudo, é o resultado de um longo processo de maturação de sonhos e desejos de vários irmãos em CRISTO por ver o Reino avançando e o Evangelho alcançando como vários de comunidades ribeirinhas remotas e de difícil acesso na Amazônia.

Mais de quarenta associações estão ligadas por uma visão e objetivo comum de criar um espaço e ambiente para compartilhar esforços de pesquisas, métodos, experiências e recursos que resultam na mobilização de outras lideranças tanto quanto viabilizar parcerias e ações compartilhadas.

Todas as ações serão delineadas a partir do conhecimento o mais preciso possível da medida da tarefa.Para tanto os primeiros esforços estão voltados para o conhecimento da dimensão da tarefa a partir de pesquisas em três dimensões: o que se tem realizado, o que se deseja realizar e o que nunca foi feito entre as comunidades ribeirinhas do Amazonas.